Páginas

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

CAMPANHA CONTRA PASTORES DIVORCIADOS

Desafio os líderes de ministérios, a assumirem uma posição de extrema relevância:

Pregar sobre o Divórcio. Ensinar sobre o Divórcio. Definir exatamente o que significa o Divórcio.

Não aceitar em hipótese alguma, e nem o comum: Deixar para mais tarde, falar sobre o Divórcio. Sempre mais tarde. Não sei se entendi bem, quando disseram, que em um ano a CGADB, terá a orientação sobre os divorciados. Um ano? Se ouvi bem, posso bem dizer, muito bem, que é uma irresponsabilidade.

Neste "um ano" existe uma cilada para muitos que estão casados e se casarão. Alguém, neste momento, grita por socorro, e muitos não estão com os corações preparados, para escutar este grito SUFOCANTE.

Já existem igrejas chamadas de IGREJA DOS DIVORCIADOS! Uma vergonha total!

Muito se prega, ao recolher os dízimos e as ofertas, e o devorador é sempre exaltado, como fórmula de terror, e assim, excluem este mesmo ênfase, com a matéria chamada Divórcio, que DEVORA COMO UM DEVORADOR voraz, a nossa Família, a da igreja.

Quase pregam às escondidas e voz baixa quando falam à respeito do D.I.V.Ó.R.C.I.O.

Muitos estão escondendo da igreja, e postulando-se, aos cargos ministeriais, estes são homens, que largaram a sua esposa, em troca de outra mais nova e mais formosa.

Chega deste delírio insubordinado, dentro da igreja do Senhor! Por favor, tomem responsabilidade! Sei do que escrevo! E, sei por que escrevo!

Atenção senhores líderes. Verifique se a sua ousadia está perdida pelo interesse! Pelo emprego de pastor ou pela covardia em estar em defesa das ovelhas.

Sinto escrever desta maneira. Mas, sei porque o escrevo. É revoltante o que está acontecendo em algumas igrejas.

SINTA TEMOR AO SENHOR! ENQUANTO HOUVER TEMPO. A JUSTIÇA ESTÁ BATENDO À SUA PORTA E VOCÊ, NÃO A ESTÁ VENDO. VOCÊ ESTÁ CEGO conforme o que está escrito no Livro de Lucas 06:39:

"E dizia-lhes uma parábola: Pode porventura um cego guiar ao outro cego? Não cairão ambos na cova?"

Claro que sim, e guiar, significa estar na liderança cegamente tentando guiar aos outros cegos.

Por favor verifique a matéria deste blog de números 1,2,3,4 e deixe os seus comentários, sua crítica ou suas sugestões, mas não se cale.

Não deixe de lado. Não diga que isto não é problema seu. ISTO É PROBLEMA SEU SIM SENHOR! Ou desista do sentimento de ser um servo de Deus. Será que você possue apenas um sentimento?

Maranata! Ora vem Senhor Jesus!

pr. Newton Carpintero
 

2 comentários:

  1. caro irmão, li seu artigo com mui temor e tremor, mas sou obrigado a discordar do amado irmão, me diga um divorciado cometeu o pecado imperdoavel? ora pecado é pecado então o que dizer das mentiras, falcatruas e outros, mas um homem que por razões que só ele, as vezes sabe se divorciou, deixou de ser crente, não é digno de entrar no céu? não pode mais trabalhar como obreiro ou como pastor? e o perdão não funciona para um divorciado? penso que é preciso mais amor, não defendo o divorcio, só quem passou por um sabe o quanto é duro e dificil, mas o preconceito também é pior, devemos entender melhor estes amados irmãos que estão atrevessando um fase mui dificíl, mas fazer uma campanha contra não é demais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei realmente que o divórcio é um caso delicado e muitos não querem e nem merecem passar por essa triste experiência. Convivo com pessoas da minha família que passaram por isso e até hoje não levantaram mais a cabeça. Há uma pessoa muita intima que achou que seu casamento não havia mais restauração e decidiu sair de casa e casou-se de novo, mesmo contra a vontade da família. Resultado: os três filhos ficaram a mercê da sorte e hoje, dois estão cumprindo pena no presídio e a caçula é garota de programa. E, vale ressaltar que a família era cristã e participava ativamente da igreja.Interessante que essa pessoa, após casar-se de novo, foi aceita com um cargo na igreja com seu novo marido, estando o seu primeiro ainda vivo.

      Paulo recomenda que os candidatos a cargo eclesiástico devem primeiramente serem casados, mas com UMA mulher apenas. O divorciado que se casa de novo, está casado com DUAS, pois só a morte é capaz de anular o primeiro casamento.

      Mas, vai da consciência de cada um, pois prestaremos contas individualmente perante o justo juiz.

      Excluir